quarta-feira, 18 de abril de 2012

LUZ E POESIA


Dentro de mim...
Há luz e poesia,
que se renova a cada manhã.

Onde o céu é meu palco,
no papel meus sentimentos.
Ao abrir as cortinas, medito...

Minha emoção maior,
é acreditar em minha luz,
escrevendo e respirando poesia.

Muitas vezes abstratas e diretas...
Na poesia que ilumina,
corações obscuros no tempo.

Quero minha poesia,
iluminando seus dias e momentos,
como o sol e a lua,
respirando desta fonte energia.

Autor: Edison de Oliveira Cardoso

Imagem: meramente ilustrativo (Google)

Escritor e Poeta
Edison de Oliveira Cardoso


3 comentários:

  1. Linda poesia amore, assim como vc! Bjo

    ResponderExcluir
  2. Bom dia Edison..venho agradecer o comentario que colocou no meu blog..
    Sobre este seu trabalho é assim..sem luz na nossa vida a poesia nunca seria sentida...respirada...e nunca chegariamos a ninguem.. os poemas tem que ser sentidos no momento que os executamos para que outros os leiam e os sintam...gostei do que escreveu..porque tudo que escreve é de coracao...
    um bom domingo...cheio de luz
    um abraco
    Rui

    ResponderExcluir